Como Criar uma Loja Virtual de Roupas

Como Criar uma Loja Virtual de Roupas com Apenas 10 peças?

O segmento de moda é uma das melhores alternativas para se investir atualmente – isso porque a maioria das mulheres consegue suprir as necessidades de toda a sua família, e claro, a sua própria na hora de comprar roupas.

Se elas já são assim (homens em uma escala bem menor), imagine-se então com uma loja virtual que permite a ela uma maior praticidade na hora de escolher, pagar e acima de tudo de entrega (que são as características principais não somente de lojas virtuais de roupas, diga-se de passagem.

Por isso, essa dica vai para você investidor: se você pretende criar loja virtual para você, investir no ramo da moda é uma das melhores escolhas que você pode fazer para ter retorno garantido e, o melhor de tudo, é possível começar com poucas peças!

Achou impossível? Pois acompanhe este artigo até o final e descubra como você pode criar loja virtual com poucos recursos e ainda assim obter os melhores resultados possíveis! Papel e caneta na mão e muita atenção pois este artigo pode mudar a sua concepção sobre negócios online!

Encontre o seu Público-Alvo e Distribuidores

O primeiro passo para se iniciar um empreendimento digital é encontrar o seu público-alvo para que assim você possa ter um nicho específico para investir. Por exemplo, você sabe quem é o público-alvo comprador de cuecas?

Respondendo a questão acima, se você achou que são os homens, resposta errada. As mulheres é que geralmente são as principais compradoras dessas peças, porque homens em sua maioria geralmente não compram roupas.

O mais comum é que mães, namoradas e esposas comprem cuecas para presentear ou mesmo para renovar os estoques de seus filhos, maridos ou namorados, que em geral não se importam em utilizar a mesma peça de roupa por 4 anos.

Por isso, estude o seu público-alvo, converse com pessoas que estão no mesmo ramo que você – sim, é importante que você faça uma pesquisa na concorrência para encontrar boas ideias para criar sua loja virtual.

Depois de descobrir quem é o seu público-alvo o mais importante é que você descubra um nicho específico onde se possa investir – locais em que as pessoas que têm interesse e procuram pelos produtos que sua loja virtual vende estão atuando.

Como estamos falando sobre lojas virtuais, você não precisará se deslocar de casa para vender os seus produtos, certo?

No caso, iremos abordar mais à frente onde e como você poderá investir na hora em que criar a sua loja virtual online.

Mas, como dissemos no título deste artigo, aqui estamos mais interessados em explicar para você como criar loja virtual com apenas 10 peças. É simples: para todo empreendimento é necessário um investimento, certo?

Pensando dessa maneira, é possível que você encontre, em viagens ou através de importadores, roupas que possuam um público-alvo muito específico e é através dessas pessoas que têm necessidades que as suas peças podem sanar que você vai investir em locais de vendas.

Obviamente, quanto mais você especificar a exclusividade da peça que o seu cliente está para adquirir melhores serão as chances de fazer com que o seu público-alvo possa se engajar nas vendas.

Uma boa opção também é, por exemplo, vender roupas de frio em sites de vendas, como o Mercado Livre abertos para leilões – pessoas de classes A e B, homens e mulheres (depende da peça) que fazem ou pretendem fazer viagens para lugares frios são alguns dos principais possíveis compradores.

Ao fazer isso, principalmente com produtos importados que se compram mais baratos para se vender um pouco mais caros e garantir uma margem de lucro, você poderá, a partir dessa primeira leva de 10 peças, ter verba para investir cada vez mais em novas e mais variadas peças.

Preço para Atrair e Vantagens

Além de exclusividade é importante que a sua loja virtual ofereça preços que sejam atrativos a outras propostas de marcas mais populares (que geralmente cobram caro) e você precisa também garantir que os seus produtos tenham a qualidade que lojas de departamento não oferecem.

Além disso é necessário que na hora de criar o seu site você facilite o processo de compra para que as pessoas que entrem em seu site não se distraiam na procura de outras coisas ou percam o interesse devido a um serviço mal visto de entregas ou por falta de formas diversas de pagamento.

Aliás, quanto a forma de pagamento, é importante salientar que você expanda os seus horizontes nesse momento, já que, apesar dos cartões de créditos ainda serem a principal forma de compra de quem procura serviços e produtos online, débito, facilitadores e boletos são opções a se considerar.

Canais

Uma boa maneira de atrair pessoas para a sua loja virtual é investir também na criação de conteúdo com influência de marketing digital e marketing de atração em redes sociais.

Sim, as redes sociais são canais importantes de investimento que não devem ser ignorados, principalmente se levarmos em consideração a quantidade de pessoas que diariamente acessam só o Facebook.

Dentre as dicas que podemos dar a você sobre as redes sociais é que você não deve se focar tanto na venda de produtos, mas sim na venda da sua marca, que é o principal ponto que difere as estratégias do marketing digital do marketing tradicional.

Com ele você poderá garantir que na hora de criar loja virtual você não estará garantindo apenas um cliente mas um fã da sua marca que irá propagar os seus produtos e sempre voltará em busca de novas soluções para a chamada “dor” que o seu produto pode e deve “curar”.

Relacionamento com o Cliente

>

Importante salientar também uma coisa que as pessoas que estão pensando em criar loja virtual se esquecem: na hora de vender a maioria deles estão ali sempre no pé do cliente, mas, depois de satisfeita a venda dos seus produtos, abre-se o chão sob a loja e nunca mais se sabe dela.

No marketing digital isto não deve acontecer, até porque o relacionamento com o cliente é parte essencial da compra – e ocorre até mesmo depois de fechados os pagamentos.

No intuito de fidelizar os seus clientes, e-mails marketing e newsletter são algumas técnicas de marketing digital usadas para ajudar o cliente a lembrar-se sempre da compra bem sucedida que realizou em sua loja.

E aí, pronto para abrir a sua loja digital de roupas? Deixe aí nos comentários e não esqueça de compartilhar em suas redes sociais, marcar os seus amigos e ficar ligado nas próximas novidades!

Os comentários estão fechado mas trackbacks e pingbacks estão abertos.